Mais de 20 métricas para avaliar uma estratégia de comunicação

Descubra como avaliar o impacto de suas campanhas internas e externas

Treinamento SOAP
29/06/2024
4 min. de leitura
Reading Time: 4 minutes

Para ter uma comunicação efetiva, seja internamente nas organizações ou externamente, são necessários alguns detalhes que a tornam assertiva e eficaz. Para isso, existem estratégias de comunicação.  

Isso nada mais é do que a elaboração de um plano para direcionar e/ou aprimorar a troca de informações, de modo que a mensagem seja bem compreendida entre a equipe, os colaboradores, fornecedores, parceiros, clientes e qualquer um a quem a comunicação for direcionada.  

Estratégias de comunicação bem-sucedidas também promovem a produtividade, mantém o ambiente agradável e fortalecem os colaboradores, além de possibilitarem a redução de conflitos ou pequenos ruídos de comunicação.  

Por isso, esse tipo de estratégia é fundamental para a organização e para a propagação de sua visão, missão e valores. Tais estratégias, se bem conduzidas, trazem o fortalecimento da própria marca.  

Métricas e indicadores em uma estratégia de comunicação? 

Primeiro, precisamos delimitar a qual tipo de comunicação estamos nos referindo: interna ou externa. Elas diferem principalmente em relação ao público-alvo e aos objetivos.  

A comunicação interna é voltada para os colaboradores e membros da organização, visando promover o alinhamento, engajamento e a cultura organizacional, além de facilitar a troca de informações e a colaboração entre departamentos.  

Já a comunicação externa é direcionada para públicos fora da organização, como clientes, investidores, mídia e comunidade em geral, com o objetivo de construir e manter uma imagem positiva da empresa, promover produtos ou serviços e gerenciar a reputação da marca no mercado.  

Em resumo, enquanto a comunicação interna foca no fortalecimento da coesão e eficiência interna, a externa visa projetar uma imagem favorável e alcançar objetivos estratégicos no ambiente externo. 

Dito isso, existem diferentes métricas para avaliar uma estratégia de comunicação interna ou externa. 

Comunicação interna 

1. Engajamento dos colaboradores 

As primeiras métricas para entender o impacto da estratégia de comunicação interna estão no engajamento dos colaboradores, elas podem dar uma boa pista sobre o quão assertiva a empresa está sendo: 

  • Taxa de abertura de e-mails — percentual de colaboradores que abrem os emails de comunicação interna. 
  • Taxa de cliques em links dentro dos e-mails ou intranet. 
  • Participação em enquetes e pesquisas internas. 

2. Feedback 

Indo mais além, é importante observar o feedback desses colaboradores, seja por meio de pesquisas de satisfação sobre a comunicação interna ou sessões de feedback. Nesse segundo caso, duas informações são especialmente relevantes: 

frequência e qualidade do feedback recebido. 

3. Utilização de recursos da empresa 

O próprio acesso e utilização de recursos da empresa podem ser um indicador do sucesso da estratégia, como: 

  • Visualizações na Intranet — número de acessos a conteúdos importantes na intranet da organização. 
  • Downloads de documentos ou materiais de comunicação. 
  • Volume de comentários e interações em plataformas de comunicação interna. 
  • Nível de participação dos colaboradores em fóruns internos e grupos de discussão. 

4. Produtividade e desempenho 

Mas não para por aqui. Os indicadores de produtividade e desempenho entram na lista, porque se a comunicação interna estiver cumprindo seu papel, é provável que esses dois indicadores tenham bons resultados também. 

Mulher analisando tela com métricas para avaliar uma estratégia de comunicação
Métricas são importantes para análises e tomadas de decisão

Na prática, observe se, após implementar uma nova estratégia de comunicação interna, houve mudanças nos indicadores de produtividade e na qualidade do trabalho. 

5. Aderência 

Por fim, a aderência a novos processos, políticas e culturas, ou seja: 

  • Percentual de conformidade dos colaboradores com novas políticas e processos introduzidos através da comunicação interna. 
  • Adoção de novas ferramentas e processos comunicados internamente. 
  • Medição do clima organizacional através de pesquisas e avaliações periódicas. 
  • Avaliação de como os colaboradores incorporam os valores e a missão da empresa no dia a dia. 

Comunicação externa 

Agora, para avaliar o impacto de uma estratégia de comunicação externa, uma empresa pode adotar uma variedade de métricas que ajudam a medir o alcance, a eficácia e a percepção da comunicação junto ao público externo. Aqui estão algumas métricas importantes: 

  1. Impressões — número de vezes que os conteúdos que fazem parte da estratégia foram exibidos ao público. 
  1. Alcance — quantidade de pessoas únicas que visualizaram os conteúdos. 
  1. Curtidas, comentários, compartilhamentos e interações nas postagens de redes sociais. 
  1. Taxa de engajamento — proporção de interações (curtidas, comentários, compartilhamentos) em relação ao total de visualizações ou seguidores. 
  1. Visitas ao site da empresa. 
  1. Quantidade média de páginas visitadas por sessão. 
  1. Duração média da sessão — tempo médio que os visitantes permanecem no site. 
  1. Taxa de conversão — percentual de visitantes do site que realizam ações desejadas, como preencher formulários, se inscrever em newsletters ou fazer compras. 
  1. Custo por Lead (CPL) — custo médio para adquirir um novo lead através de campanhas de comunicação externa. 
  1. Percepção e reputação da marca — earned media (como notícias, blogs e menções não pagas) e sentimento da marca, o tom e a percepção geral das menções à marca (positivo, negativo ou neutro). 
  1. ROI de campanhas de comunicação externa. 
  1. Análise de custo-benefício — comparação entre os custos das campanhas e os benefícios obtidos, como aumento de vendas ou visibilidade. 
  1. Pesquisas de satisfação realizadas com clientes e público-alvo. 
  1. Net Promoter Score (NPS) — índice que mede a probabilidade dos clientes recomendarem a empresa a outras pessoas. 
  1. Market Share de Comunicação — comparação da visibilidade e engajamento da marca em relação aos concorrentes. 
  1. Benchmarking — comparação das métricas de comunicação externa da empresa com as melhores práticas do setor. 

Existem diversas possibilidades de métricas, mas essas fornecem uma boa visão do impacto das estratégias de comunicação e permitem ajustes contínuos para melhorar o alcance, a eficácia e a percepção da marca junto ao público-alvo, seja ele interno ou externo. 

Como a SOAP pode te ajudar? 

Saber como executar um planejamento através de estratégias de comunicação coloca a equipe e/ou a empresa à frente de outros que não possuem a mesma visão. 

Comunicação é a chave fundamental para o sucesso e pensando nessa necessidade, a SOAP disponibiliza um treinamento que trabalha unicamente com essa temática.  

No SOAP Story Planning qualquer profissional que valoriza Planejamento e Comunicação aprenderá sobre planejamento robusto, como criar uma história envolvente e habilidades de comunicação. 

Com ele, você e sua equipe serão capazes de executar estratégias de comunicação assertivas e eficazes. 

Ficou interessado? Saiba mais aqui! 



Posts Relacionados

Neuromarketing: 6 características do cérebro inconsciente do consumidor

Estratégia
28/06/2024
leia agora

Como fazer uma estratégia de comunicação interna e externa? 

Estratégia
29/09/2023
leia agora

Endereço

Rua Gomes de Carvalho, 1266 - sala 72
Vila Olímpia - São Paulo | Brasil
(55.11) 4084.4085 [email protected]

No mundo

Portugal
USA
França