Conheça 7 estratégias de marketing para atrair mais clientes

Planos estratégicos andam em conjunto com o plano tático para alcançar objetivos

Treinamento SOAP
13/09/2023
5 min. de leitura
Reading Time: 5 minutes

Ter estratégias de marketing é uma peça fundamental no quebra-cabeça do sucesso empresarial. Trata-se de uma abordagem planejada que as empresas adotam para alcançar seus objetivos, sejam eles aumentar as vendas, fortalecer a marca ou expandir sua base de clientes.  

Como delineado por Philip Kotler, renomado especialista no assunto e autor de vários livros, a estratégia de marketing faz parte do planejamento de marketing, que inclui também a parte tática do plano. Ela define a direção que a empresa seguirá para alcançar suas metas comerciais, financeiras e de posicionamento de marca.  

Para desenvolver uma estratégia sólida, é necessário analisar cuidadosamente a situação do mercado, identificar oportunidades e ameaças, definir metas claras e criar um plano de ação. 

“As metas indicam aquilo que a unidade de negócio deseja alcançar; a estratégia é um plano de ação para chegar lá. Todo negócio deve elaborar uma estratégia para alcançar seus objetivos, que consiste em uma estratégia de marketing compatível com uma estratégia de tecnologia e uma estratégia de busca de recursos.”  

Philip Kotler

Quais são os benefícios da estratégia de marketing para as empresas? 

Se for bem definida e implementada, a estratégia de marketing oferece uma série de benefícios significativos para as empresas: 

Direção clara 

Ajuda a empresa a entender sua missão, objetivos de marketing e financeiros, e as necessidades que seu produto ou serviço devem satisfazer. Isso evita que a empresa vagueie sem um propósito definido. 

Eficiência 

Ao definir metas e planos de ação, uma estratégia de marketing permite que a empresa aloque recursos de forma mais eficiente. Isso significa que os recursos financeiros, humanos e materiais são direcionados para atividades que têm o potencial de gerar os melhores resultados. 

Competitividade 

Uma estratégia bem elaborada também ajuda a empresa a se destacar em um mercado saturado ou altamente concorrido. Ela define como a marca se diferencia da concorrência, seja por meio de preço, qualidade, inovação ou outros fatores distintivos. 

Foco no cliente 

Esse plano estratégico exige que as empresas compreendam seu público-alvo e suas necessidades. Isso promove um foco no cliente, permitindo que o negócio adapte seus produtos, serviços e mensagens para atender às expectativas do mercado. 

Decisão embasada em dados 

Uma estratégia de marketing eficaz é baseada em análises sólidas. Isso significa que as decisões são tomadas com base em dados e insights, reduzindo a probabilidade de erros custosos. 

Quais são as etapas para construir estratégias de marketing? 

Para criar uma estratégia de marketing eficaz, é essencial seguir um processo estruturado. As etapas a seguir são cruciais para o desenvolvimento de uma estratégia sólida: 

1. Análise do contexto:  

Essa etapa envolve a avaliação do ambiente de mercado, incluindo a análise das tendências, concorrência, oportunidades e ameaças. É aqui que a empresa reúne dados para embasar suas decisões futuras. 

2. Definição de objetivos:  

Com base na análise do contexto, a empresa deve definir objetivos de marketing claros e alcançáveis.

Esses objetivos devem ser específicos, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazo definido, conhecidos como critérios SMART (specific, measurable, attainable, relevant e time based, em inglês). 

Mulher escrevendo estratégias de marketing em um post-it colado em uma parede de vidro
A definição dos objetivos é um passo central para construir estratégias de marketing

3. Segmentação de mercado:  

A segmentação de mercado é a divisão do mercado em grupos homogêneos com base em características comuns, como idade, gênero, interesses, comportamento de compra, entre outros. Isso permite que a empresa direcione seus esforços de marketing de forma mais eficaz. 

4. Seleção do público-alvo:  

Depois de segmentar o mercado, a empresa precisa escolher os segmentos de mercado que são mais atraentes e alinhados com seus objetivos. Esses serão os públicos-alvo para os quais a estratégia de marketing será direcionada. 

5. Posicionamento:  

Muito além de escolher um nome e uma logo, o posicionamento envolve a criação de uma imagem e identidade distintivas para a marca ou produto da empresa. É a resposta à pergunta: “Como queremos que nosso público-alvo nos veja?” Um posicionamento eficaz ajuda a empresa a se destacar da concorrência. 

6. Desenvolvimento de táticas:  

Com os objetivos, público-alvo e posicionamento definidos, a empresa pode elaborar táticas específicas de marketing. Isso inclui decisões sobre publicidade, comunicação, preços, canais de distribuição e serviços. 

7. Implementação e monitoramento:  

A implementação da estratégia é crucial para o sucesso. A empresa deve executar as táticas definidas e monitorar constantemente os resultados. Isso permite fazer ajustes conforme necessário para otimizar o desempenho. 

8. Avaliação e adaptação:  

Após a implementação, é fundamental avaliar os resultados em relação aos objetivos estabelecidos. Se os resultados não estiverem alinhados com as metas, a estratégia deve ser revista e aprimorada. 

7 estratégias de marketing para atrair mais clientes 

Pensando nas etapas 6 e 7 da estratégia de marketing, listamos a seguir sete ações que podem fazer parte desse planejamento, dependendo do objetivo da empresa. Confira! 

1. SEO (Search Engine Optimization): 

SEO é a otimização de conteúdo online para mecanismos de busca, especialmente o Google. Esse tipo de ferramenta pode ser aplicado em blogs de marca, anúncios, páginas do e-commerce.  

De modo geral, envolve selecionar as palavras-chave relevantes para o seu negócio e criar conteúdo de alta qualidade em torno delas. Além disso, é importante ter um site bem estruturado e com boa usabilidade.  

Quando seu conteúdo é otimizado para SEO, ele aparece nas posições mais altas dos resultados de pesquisa, aumentando a visibilidade da sua empresa e atraindo mais tráfego orgânico. 

2. E-mail marketing: 

O envio de mensagens direcionadas para uma lista de contatos interessados no seu produto ou serviço pode ser uma excelente estratégia para construir relacionamento com os clientes, mantendo-os informados sobre novidades, promoções e conteúdos relevantes da sua marca.  

Segmentar sua lista de e-mails com base nas preferências e comportamento dos clientes ajuda a personalizar as mensagens, aumentando a eficácia desse tipo de estratégia. 

3. Redes sociais: 

As redes sociais permitem que você se conecte com seu público-alvo de forma mais direta e com maior proximidade/informalidade. Compartilhe conteúdo relevante com postagens regulares, interaja com seguidores e compartilhe histórias. 

Mas é importante saber também em quais redes sociais vale estar presente. A decisão deve levar em conta os interesses do seu público e os esforços demandados para criação de conteúdo, a depender do formato utilizado em determinada rede. 

Além disso, anúncios patrocinados nas redes sociais oferecem opções de segmentação precisa para alcançar um público específico. 

4. Links patrocinados (SEM – Search Engine Marketing): 

Links patrocinados são anúncios pagos exibidos nos resultados de pesquisa e em outros sites. Eles funcionam por meio de leilões de palavras-chave, onde você escolhe as mais relevantes e define um orçamento para seus anúncios.  

Quando alguém pesquisar por essas palavras-chave, seus anúncios podem ser exibidos no topo dos resultados, aumentando a visibilidade e atraindo tráfego qualificado.  

5. Mídia Digital Out of Home (OOH): 

OOH digital é a exibição de anúncios em locais físicos, como outdoors digitais, telas em aeroportos ou shoppings, ou mesmo em transporte público. Essa estratégia aumenta a visibilidade da marca e atinge um grande público.  

Por outro lado, a vantagem do digital é que os anúncios podem ser atualizados e segmentados com maior facilidade. 

6. Eventos: 

A realização de eventos, seja como organizador ou participante, como feiras comerciais, workshops, webinars ou conferências, permite que você interaja diretamente com clientes em potencial.  

Você pode apresentar seus produtos ou serviços, responder a perguntas e estabelecer conexões pessoais. Os eventos são oportunidades valiosas para criar confiança e destacar-se no mercado. 

7. Parcerias: 

Parcerias estratégicas envolvem colaborações com outras empresas para alcançar um público compartilhado. Isso pode incluir comarketing, copatrocínio de eventos ou programas de afiliados.  

As parcerias permitem o acesso a uma base de clientes diferente, proporcionando mais exposição e credibilidade à sua marca. 

Só começa bem se começar pela estratégia 

É importante saber também que todo esse processo de marketing passa pela comunicação.  

Por isso, quando falamos em estratégia de marketing pensamos também em estratégia de comunicação. A SOAP tem um treinamento corporativo que une as peças-chave para a construção de estratégias mais eficazes: o SOAP Estratégia.  

Nele, você e seu time vão aprender a:   

  • Compreender a importância de uma estratégia de comunicação eficaz;   
  • Reconhecer seus principais elementos e conceitos sobre o tema;   
  • Definir o público-alvo e classificar os canais de comunicação mais adequados;   
  • Elaborar seu planejamento e implementar sua estratégia de comunicação;
  • Avaliar e medir resultados para mapear a eficácia da estratégia, com foco em melhoria contínua.    

Ficou interessado? Então saiba mais e entre em contato com um dos nossos especialistas!  



Posts Relacionados

O que é comunicação assíncrona? Conheça 4 exemplos 

Comunicação
13/06/2024
leia agora

O que é mentoria profissional? Saiba como funciona e por que fazer

Treinamento
31/05/2024
leia agora

Endereço

Rua Gomes de Carvalho, 1266 - sala 72
Vila Olímpia - São Paulo | Brasil
(55.11) 4084.4085 [email protected]

No mundo

Portugal
USA
França