Comunicação

Aprenda a criar um plano de comunicação eficiente para sua empresa!

O posicionamento de marca é importante em todos os aspectos.

Treinamento SOAP
06/12/2021

O posicionamento de marca é importante em todos os aspectos. Afinal, ele apresenta   características únicas das empresas no mercado e permite que os clientes se identifiquem com a organização. Por isso, é indispensável ter um plano de comunicação eficiente.

Nesse sentido, o plano é a definição coerente e alinhada com os objetivos organizacionais de posicionamento no mercado e diálogo com o público. Assim, dá origem à comunicação estratégica, além de apresentar detalhes administrativos — como orçamentos, indicadores e cronogramas.

Neste artigo, elaboramos um passo a passo para estruturar esse planejamento com eficiência e colocar o posicionamento da sua marca. Use as dicas para revisar os planos existentes ou criar algo totalmente novo. Vamos lá?

Entenda o mercado

O primeiro passo é entender qual é o ambiente em que a comunicação acontecerá. Com isso, é preciso identificar pontos fortes e fracos da empresa, concorrência e cenário econômico. Aplique os conceitos da Análise SWOT (forças, fraquezas, oportunidades e ameaças) para ter clareza nos assuntos que podem ser mantidos ou melhorados.

Outra questão é compreender o segmento de mercado para quem estamos nos dirigindo e quais reações podem acontecer. Nesse sentido, seria um grupo de pessoas associado a um produto ou serviço da empresa. Por exemplo:

  • vender papinhas de bebê (produto) para mães (público);
  • farinha de trigo (produto) para microempresas/padaria (público);
  • limpeza terceirizada (serviço) para condomínios (público).

Faça análises e pesquisas para aprofundar o seu conhecimento sobre as pessoas. É possível estratificar o público por idade, renda, gênero ou desenhar personas.

Defina o objetivo

A empresa deve traçar o propósito do plano de comunicação. Isto é, precisa definir etapas para os objetivos, conforme o momento da organização.

Imagine um engenheiro que, após anos trabalhando, abre o próprio escritório de projetos. O plano inicial talvez não esteja tão voltado para vender um produto diretamente, mas para construir autoridade e ser conhecido no segmento de mercado.

É possível, por exemplo, que junto ao nome da empresa seja colocado a expressão "projetos de engenharia" para vincular a marca ao campo de atuação. Afinal, há uma série de processos a serem alcançados para colocar metas financeiras, como aumento de vendas e receita.

Procure chegar a uma lista enxuta de objetivos que sejam passíveis de controle e alcance. E não hesite em revisá-los caso as condições mudem.

Estabeleça orientação estratégica e criativa

O plano de comunicação desenha o caminho trilhado para alcançar os objetivos definidos. Tudo que comunica deve estar coerente com o que foi estabelecido no planejamento.

A estratégia será traduzida em normas para quem vai produzir os conteúdos e criar táticas para executar o plano. Tenha consciência dos valores, tom de voz (formal, amigável, didático etc), posicionamento e demais elementos que representam a empresa.

Lembre-se que a comunicação empresarial determinará, em grande parte, os sentidos e significados associados à marca. Logo, vale a pena dedicar-se ao planejamento, alinhando aspectos como cultura, missão, visão e valores da organização.

Desenvolva ações específicas

A estratégia precisa estar conectada a um plano tático que, uma vez utilizado, dá início a busca pelo objetivo.

Para isso, é importante escolher os canais de comunicação (redes sociais, blogs e outros), definir o que fazer neles (eventos ou conteúdo das redes) e determinar as narrativas que vamos construir com o plano de comunicação em seu conjunto.

Determine os indicadores-chave

Outra preocupação é como medir o sucesso ou insucesso. Para avaliar os resultados e aplicar ações corretivas, o objetivo deve ser traduzido em indicadores que mostrem quando ele foi realizado. Pode ser classificado como o aumento das vendas, feedback positivo dos destinatários e vários outros.

Essa avaliação não deve ser feita apenas no fim do plano. Ela deve acompanhar as ações durante o processo para dar oportunidade de correção de rota e melhorar o resultado.

Pense em um plano de comunicação para ser aplicado

Para finalizar, é importante cuidar das questões práticas do planejamento. Afinal, é preciso prestar contas, definir prazos, orientar as pessoas, viabilizar recursos e outros. Veja alguns pontos indispensáveis:

  • objetivos e metas;
  • documentação do plano;
  • orçamento;
  • prazos;
  • cronograma;
  • responsabilidades.

Embora as dicas forneçam um norte para você se planejar, não ignore as necessidades de desenvolvimento de pessoas. É importante capacitar os profissionais e contar com talentos que saibam planejar e executar o plano, bem como avaliar os resultados.

Em cada uma das etapas, diversos modelos de trabalho, técnicas e ferramentas podem fazer a diferença, como storytelling, gatilhos mentais, assertividade e linguagem visual.

Sendo assim, mais que entender o processo para criar um plano de comunicação, lembre-se de buscar as competências necessárias. Com isso, a empresa saberá lidar com diferentes desafios e terá resultados mais consistentes.

Para entender o papel e o processo de treinamento corporativo, confira nosso guia completo para desenvolver as competências de comunicação nas empresas!

Posts Relacionados

Autossabotagem no trabalho: como fazer a equipe acreditar mais em si!

Comunicação
29/11/2021
leia agora

Descubra como desenvolver habilidades de comunicação para equipes!

Comunicação
22/11/2021
leia agora

Endereço

Rua Gomes de Carvalho, 1266 - sala 72
Vila Olímpia - São Paulo | Brasil
(55.11) 4084.4085 [email protected]

No mundo

Portugal
USA
França