Descubra como um curso de storytelling pode salvar sua comunicação

Você já pensou em fazer um curso de Storytelling? O Storytelling é uma ferramenta poderosa para construção de textos e narrativas — discursos, palestras, campanhas publicitárias, tudo fica mais fácil quando sabemos contar boas histórias.

Treinamento SOAP
24/08/2022
5 min. de leitura
Reading Time: 5 minutes

Você já pensou em fazer um curso de Storytelling?

O Storytelling é uma ferramenta poderosa para construção de textos e narrativas — discursos, palestras, campanhas publicitárias, tudo fica mais fácil quando sabemos contar boas histórias.

Entenda como essa técnica vai salvar a sua comunicação!

Por que precisamos do Storytelling?

Hoje, as pessoas são bombardeadas por conteúdos e têm cada vez menos tempo. Não importa se é uma apresentação, roteiro, vídeo, posts ou qualquer outro conteúdo, precisamos ser envolventes e impactantes.

Nossa capacidade de manter a atenção nunca esteve tão baixa

A necessidade fica clara quando consideramos os efeitos da tecnologia sobre nosso foco e atenção. Aliás, existe um famoso estudo sobre o tema.

Nela, um grupo de cientistas realizou uma pesquisa com mais de 2000 canadenses. Os voluntários colaboraram principalmente respondendo a questionários e participando de  jogos ligados à atenção. Ainda, 112 voluntários foram submetidos a eletroencefalogramas enquanto realizavam as atividades.

Sabe qual foi a descoberta? Hoje em dia, nosso foco é de 8 segundos em média. Assim, mesmo que a pessoa leia a descrição no Instagram, por exemplo, a tendência é ela não passar muito tempo no perfil.

O estudo ficou conhecido também pela conclusão de que estamos perdendo atenção graças às mudanças tecnológicas. Nos anos 2000, a atenção média era de 12 segundos. Já nos dias atuais, perdemos para o peixinho dourado, que consegue manter o foco por 9 segundos, em média.

Precisamos engajar pessoas em ações

Além do curto tempo de atenção, mesmo que a pessoa esteja disposta a ouvir e separe um tempo na agenda, não há garantias de que ela vai realizar alguma ação. Ela pode estar lá, mas a mensagem entrar por um ouvido e sair pelo outro.

Precisamos não apenas argumentar bem, mas também considerar o envolvimento emocional com a apresentação. Só assim alcançaremos o objetivo da comunicação, que geralmente é levar a pessoa a efetuar uma ação.

O Storytelling é capaz de gerar esse diálogo com o público e conduzir as pessoas para comprarem nossos produtos, ideias, projetos etc. Por isso, tal recurso deve fazer parte das competências de qualquer profissional que precise se comunicar— o que, aliás, corresponde a quase todo mundo hoje em dia.

Como funciona na prática?

Em um curso de Storytelling de boa qualidade, aprende-se ferramentas que trarão resultados práticos aos nossos discursos e narrativas. Há diversos exemplos de como essas técnicas podem transformar o processo de comunicação. Acompanhe!

A caixa misteriosa de J.J. Abrams

Um bom exemplo dentre essas ferramentas é o TED Talk de J.J. Abrams. Há diversas formas de apresentar conceitos por trás de obras, e o diretor de Lost e Super8 optou por uma narrativa poderosa por meio do Storytelling.

Tudo começa quando ele destaca sua relação com o avô. Ambos vivenciaram momentos de alegria, em que o senhor desmontava os mais variados objetos e ensinava ao neto como eles funcionavam. Logo após, o diretor faz uma conexão da introdução com sua admiração por caixas e sobre ter adquirido em uma loja de mágica.

A caixa misteriosa se torna um elemento lúdico para explicar diversas questões por trás dos filmes. Aborda-se, por exemplo, como a caixa representa o potencial criativo de algo, como criar as caixas histórias ocultando informações intencionalmente do espectador e a importância de elementos humanos ao abrir a caixa; tudo está lá.

Como eu prendi o fôlego por 17 minutos

Um segundo exemplo de aplicação do Storytelling é o TED Talk de David Blaine. Além de ilusionista, Blaine é conhecido por realizar desafios de resistência, como ficar preso em um bloco de gelo por 48 horas, pendurar-se em um prédio por 60 horas ou permanecer 5 dias sem comer em uma caixa suspensa.

Na apresentação, o ilusionista narra o processo até superar o recorde mundial de prender a respiração embaixo d’água. Assim, observamos um excelente exemplo de design no Storytelling, pois a forma de contar uma história, mesmo uma real, faz toda a diferença na maneira de impactar a audiência.

Na narrativa, percebemos a aplicação das diversas etapas da jornada do herói. Blaine apresenta sua realidade, como foi chamado para esse mundo de desafios de resistência, os diversos mestres consultados, as complicações etc. Ao final, percebemos como a vitória modificou a percepção do ilusionista.

A história desconhecida de Davi e Golias

Outro TED Talk para se inspirar é a apresentação sobre Davi e Golias. Malcom Gladwell é um dos principais autores da atualidade e, certamente, um dos que melhor usam o Storytelling como recurso de argumentação.

Em livros como “Fora de série”, “Ponto da virada”, “Falando com estranhos” e “Davi e Golias”, o jornalista britânico utiliza uma estratégia de colocar um argumento central e desenvolver o tema a partir de diferentes histórias.

Desse modo, ele transmite conceitos relevantes, embasados em estudos de caso, dados e pesquisas, de uma forma mais compreensível para público em geral e persuasiva.

Em sua apresentação sobre Davi e Golias, Gladwell narra os detalhes da história bíblica. Logo após, quebra a expectativa do público, apontando diversas características que mostram que, naquele contexto, Davi era quem tinha a vantagem, e como nossa percepção sobre poder nem sempre está correta.

Como utilizar o Storytelling?

Muitas vezes, quando contamos uma história, utilizamos recursos de narrativa inconscientemente. Porém, se nosso trabalho exige comunicação, não podemos mais depender do acaso.

Nos exemplos, Abrams utiliza uma história pessoal como analogia para explicar um conceito. Já Blaine entrega uma verdadeira jornada do herói a partir de um desafio pessoal. Por fim, Gladwell utiliza um plot twist, levando às pessoas uma nova perspectiva sobre uma história amplamente conhecida.

Um curso de Storytelling é fundamental para ter o conhecimento e as ferramentas para construir narrativas e discursos poderosos, sempre que necessário. Mesmo que algumas pessoas tenham mais facilidade, todas podem desenvolver essas habilidades e melhorar a comunicação. A seguir, saiba mais sobre as características de um bom Storytelling.

Roteiro

Em primeiro lugar, o Storytelling utiliza ferramentas de roteiro, que podem ser replicadas para que você também conte boas histórias. Um exemplo é a jornada do herói, mencionada anteriormente, que traz um passo a passo encontrado na maioria dos filmes de aventura que conhecemos, como Star Wars, Rei Leão e Matrix.

Preparação

Outra característica é a preparação. Pesquisar, reunir dados, organizar as informações no texto, escolher a melhor estratégia e outras ações fazem parte dos conhecimentos de Storytelling. Existe um processo para criar as narrativas, que pode conduzir a sua preparação.

Design

A formatação da apresentação como um todo precisa ser considerada. Com uma boa estrutura de texto e elementos visuais que darão apoio à apresentação, a comunicação é mais facilmente compreendida e tem mais impacto junto à audiência.

Oratória

O comunicador também pode ser preparado para desenvolver habilidades de oratória e entregar um discurso com mais qualidade. Postura corporal, expressividade e movimentação diante da audiência são alguns temas abordados.

Por que realizar um curso de Storytelling?

Os elementos que fazem parte das narrativas podem ser aprendidos e utilizados em diferentes contextos profissionais. Por isso, o curso de Storytelling é um excelente campo para se capacitar, uma vez que melhora as habilidades de comunicação.

Você pode desenvolver suas competências comunicativas no curso de Storytelling especializado da SOAP. Temos uma experiência de mais de 18 anos e 30 mil alunos formados, em diferentes capacitações na área.

No curso, ensinamos as ferramentas para produzir narrativas e discursos cativantes para qualquer contexto. Você conhecerá as técnicas e métodos próprios de Storytelling, gatilhos mentais para capturar a atenção do público, segredos para convencer pessoas, entre outras habilidades.

Assim, o curso de Storytelling da SOAP desenvolve as capacidades necessárias para transformar a sua comunicação. Você poderá construir narrativas e discursos de alto impacto sempre que precisar.

Agora que você já entende a importância do Storytelling, conheça as soluções da SOAP e saiba mais sobre como aprimorar sua comunicação!



Posts Relacionados

10 motivos para incluir storytelling em suas apresentações profissionais

Apresentações
27/05/2024
leia agora

O que é Storytelling e como usar nas apresentações profissionais?

Storytelling
29/04/2024
leia agora

Endereço

Rua Gomes de Carvalho, 1266 - sala 72
Vila Olímpia - São Paulo | Brasil
(55.11) 4084.4085 [email protected]

No mundo

Portugal
USA
França